Donde estás El Comandante,y ahora?

fidel-castro-20060203-026

 

Ontem,25 de novembro,o atual presidente de Cuba,Raúl Castro anunciou em rede nacional que o ex-presidente e comandante-em-chefe do país caribenho havia falecido,aos 90 anos,completados em maio deste ano.E assim o penúltimo vestígio de guerra fria se vai,lembrando que ainda existe o embargo econômico norte-americano na ilha.
Pelo que li e leio nos jornais e redes sociais,e por sinal dos tempos obviamente o mundo se dividiu entre os que acham que Fidel era um “libertador da opressão capitalista” e os que acham que ele era um “repressor das liberdades individuais”.Ele foi tudo isso e muito mais,diria.
Diria que sem ele não teríamos lados bons na história,mas para isso precisamos sim,ver o contexto histórico que existiu nesse país pequeno do tamanho do estado de Pernambuco.Desde a independência de Cuba perante à Espanha em 1898,ou seja,na porta do século 20 até a revolução de 1959 muita mas muita água rolou por baixo e por cima do que nós pensamos.
Temos que dizer que desde a independência até a revolução,o país foi governado com mão de ferro pelo general Fulgêncio Baptista,aliado(ou seria marionete?)dos Estados Unidos e de seus interesses,dos mais claros aos mais escusos,isso tudo envolvendo a antiga máfia de Nova York e Chicago que controlava o jogo,os cassinos,a prostituição e o comércio de bebidas dentre outras atividades,isso tudo com vistas grossas por todos os governos que ali passaram.
Ao mesmo tempo que isso acontecia,o povo cubano vivia em total miséria,sem educação,sem sistema de saúde e sem liberdade.Qualquer um que o desafiasse seria fuzilado.Até que os irmãos Fidel e Raúl Castro resolveram agir por conta própria,e por isso foram presos e exilados no México em 1956,onde se encontraram com o recém-chegado Ernesto Guevara.
Guevara havia,como foi muito bem contado no livro e no filme Diários de Motocicleta,feito uma viagem com seu amigo Alberto Granado .Depois dessa aventura,ele decidiu se juntar aos irmãos Castro para viajarem clandestinamente até Cuba,se juntarem a oposição na batalha de Sierra Maestra e depois tomarem o poder em 1 de janeiro de 1959.
Voltando a Fidel,ele praticamente fez o contrário que seu “antecessor fez”:estatizou as empresas americanas que estavam na ilha,monopolizou os meios de produção,prendeu e fuzilou seus opositores,incluindo muitos dissidentes e se aproximou da fiel patrocinadora do sistema,a União Soviética.
Nesse período,houve um grande avanço social e econômico em todos os ambitos.Em troca,Cuba comprava carros(que ainda existem por lá) e demais produtos soviéticos.Mas isso se reverteu em 1991,quando houve o colapso do regime e Cuba se viu sem saída.Para piorar,gastou-se neste período o equivalente a mais de 300 milhões de dólares para a organização dos Jogos Pan-Americanos em Havana.
Temendo o fim do regime,Castro inaugurou o que seria o período especial,ou seja,seriam permitidos que pequenos negócios fossem abertos restritivamente no pais.Mas o que houve foi que essa parte “livre” de Cuba era apenas permitida aos turistas estrangeiros.E para os cubanos,foi instituída a famigerada caderneta de racionamento,em que se compra alimentos básicos,sempre em falta.
Felizmente,ou infelizmente para os adoradores Fidel,devido aos problemas de saúde que apresentava,decidiu sair do comando do pais em 2008 e deixar nas mãos do seu irmão.O que se viu a seguir foi uma seguinte porém lenta abertura ao capital e a possibilidade dos cubanos saírem do pais quando quisessem.
Agora com a noticia de sua eminente morte,e a eleição de Donald Trump para a presidência americana um monte de pontos de interrogação surgiram e colocam o futuro em xeque.Será que Cuba vai virar um estado capitalista novamente?Será que a revolução continuará,mesmo senil e debilitada?

Essas são apenas DUAS questões que um dia(quem sabe amanhã)sejam resolvidas.O que se sabe é que essa figura não estará entre nós e que o futuro é incerto.Mas ao menos numa coisa ele tem razão:Até a vitória sempre,com ou sem mim.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s